JOVEM RAPAZ, SOFRA!

Imagem

Falar sobre sofrimento hoje em dia é algo bastante impopular, sobretudo, no meio evangélico; o que é um grande paradoxo, uma vez que a Bíblia deixa claro que o sofrimento é algo totalmente inerente à vida cristã. Como ressaltou C.S.Lewis, não deveríamos nos perguntar porque alguns cristãos sofrem, mas sim porque alguns não sofrem.

Eu sei que o sofrimento é um tema bastante complexo e que ao falar sobre ele, corro sempre o risco dos amigos de Jó, de ser presunçoso e falar de algo que não sei ou que não corresponde à realidade. Entretanto, nos últimos dias tenho pensado bastante acerca do propósito do sofrimento na vida dos homens cristãos durante a sua juventude. Há um versículo do livro de Lamentações de Jeremias que sempre me faz refletir sobre isso:

“Bom é para o homem suportar o jugo na sua juventude.” (Lamentações  3.27)

Acho interessante esse versículo pelo fato dele ter sido escrito pelo profeta Jeremias em um momento de grande dor e sofrimento que era o período do exílio babilônico e logo depois de o profeta afirmar nos versículos anteriores que o Senhor é bom e Sua misericórdia dura para sempre e que vale a pena esperar nEle (Lm 3. 21-27). Daí, logo em seguida ele louva a Deus por ter feito-o sofrer em sua juventude.

Jeremias, foi escolhido profeta ainda muito jovem (Jr 1) e enfrentou uma série de dificuldades ao desempenhar o seu ministério. Como se já não bastasse a mensagem dura de juízo que ele tinha que anunciar ao seu próprio povo, ele também sofreu muitas perseguições e foi proibido por Deus até mesmo de se casar e construir uma família. Tenho vontade de chorar só de imaginar tamanho sofrimento que o jovem profeta Jeremias teve que enfrentar  durante os melhores anos da sua vida física. Não é à toa que ele é considerado o “profeta chorão”. Mas ainda assim, ele consegue chegar à conclusão de que sofrer enquanto jovem é algo bom. Mas por quê isso?

Precisamos entender que tudo no Antigo Testamento, inclusive os seus personagens principais apontam para Cristo. Assim, Jeremias era um protótipo de Cristo e os seus sofrimentos e conflitos apontam diretamente para a humanidade do Filho de Deus ao desempenhar o Seu ministério aqui na Terra, o qual também enfrentou grande sofrimento em Sua juventude a fim de cumprir a vontade do Pai para a Sua vida. O que traz implicações diretas para as nossas vidas. Se Jesus sofreu em Sua juventude, então deveríamos nos alegrar em sofrer enquanto ainda somos jovens também. Uma vez que a vontade de Deus para as nossas vidas não é simplesmente nos fazer sentir-nos bem, mas tornar-nos como Cristo.

Deus quer nos fazer homens segundo a Sua vontade. Ele quer que sejamos maridos e pais que reflitam Jesus. É por isso que muitas vezes Ele nos aflige durante a nossa juventude e o faz de diversas maneiras, seja permitindo que tenhamos desejos errados; lutando contra pecados específicos em uma luta que muitas vezes parece interminável; tendo problemas de relacionamentos e de muitas outras formas. Entretanto, segundo o profeta Jeremias, isso é algo bom, pois é um sinal de que Deus não nos rejeitará para sempre (Lm 3. 31). É um sinal de que Deus tem um plano maior para as nossas vidas e está nos preparando para isso.

Jovens rapazes, as nossas responsabilidades como futuros homens não são fáceis. Cabe a nós a missão de trabalhar para sustentar um lar, liderar espiritualmente uma esposa e criar filhos para a glória de Deus, deixando um legado para as próximas gerações. É para nos preparar para isso que muitas vezes Deus permite que soframos. É por isso que Ele nos aflige, a fim de que um dia sejamos como Seu Filho.

Por isso, jovens rapazes, que ao passarmos pelos sofrimentos que Deus nos impôr, não desanimemos, nem nos entristeçamos. Ao contrário, que nos alegremos, vendo nisso um sinal de que Deus tem um plano para as nossas vidas e que para cumpri-lo precisamos antes ser moídos e quebrados.

Oro para que um dia, ao chegar lá na frente, eu possa olhar para a minha juventude, entender os meus sofrimentos e me alegrar neles, por perceber que eles me tornaram um homem parecido com Cristo.

Jovem rapaz, não tenhamos medo de sofrer!

Igor Sabino
Facebook: https://www.facebook.com/igorhsabino

Anúncios

1 comentário

  1. Muito oportuno o tema! Sofrendo pela justiça, segundo a vontade de Deus (I Pedro 3:17 e 4:19). Porque o amor é sofredor (I Co 13:4,7) e Deus sofre indignação todos os dias (Sl 7:11). Até quando Jesus nos sofrerá? (Lucas 9:41)

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s