UMA VERDADE ESQUECIDA

João 14:3 “E, quando eu for e vos preparar lugar, voltarei e vos receberei para mim mesmo, para que, onde eu estou, estejais vós também.”

                                                                                                                                                       Captura de tela de 2014-05-22 13:13:41

Meus irmãos, quero pensar com vocês como tem sido a nossa reação ou atitude com relação a essa passagem que trata da volta de Jesus. Nós cristãos (generalizando) não temos nos preocupados e muito menos desejado essa segunda vinda de Cristo. Já pensou nisso? Já pensou que aquele sentimento de “Maranata, ora vem Senhor Jesus”, sumiu do nosso coração?

Nós estamos tão presos a este mundo, desejando tanto o mundo e as coisas do mundo. Estamos tão obcecados por viver esta vida, que é como se disséssemos a Jesus: “Vem agora não, dá mais um tempo.”. E eu não posso pensar diferente que isso é o materialismo reinando e dominando nossa vida. Jesus neste momento estava querendo confortar Seus discípulos, de que Ele haveria de partir, mas eles não precisavam se preocupar, pois voltaria em breve.

Mas nós estamos sofrendo, padecendo dificuldades, mas essa promessa da Sua volta “pode demorar mais um pouco”(pensam alguns). Até porque temos muita coisa pra viver ainda, temos muito que fazer, temos muito o que “aproveitar” a vida, temos estudos pra concluir, temos muito pra fazer por nossa comunidade, temos que trabalhar pra comprar nossos bens e nos satisfazer em nossos prazeres terrestres.

O desejo de partir e estar com Deus, assim como Paulo falou, tem ficado de lado. Nós temos esquecido que somos passageiros e peregrinos nesta terra. Mas parece que o céu é que é passageiro e essa vida terrestre é que é eterna.

Uma das grandes promessas de Jesus, encontramos aqui. Porque SE nossa esperança não está firmada na segunda vinda de Jesus, tem algo de errado. Quando nós nos convertemos, começamos a buscar e desejar que Cristo voltasse logo. Mas porque temos perdido esse sentimento?

O certo é que Cristo voltará, para nos levar para morarmos como Ele e não durante um período curto, não serão por dez anos, ou até mesmo 50 anos, assim como não serão mil anos.

É consolador sabermos que não passaremos pelas mesmas dificuldades e sofrimentos que passamos aqui, quando isso acontecer. APOCALIPSE 21:4 nos dá razão de sobra para ansiarmos posso esse dia, por esse momentos: “E lhes enxugará dos olhos toda lágrima, e a morte já não existirá, já não haverá luto, nem pranto, nem dor, porque as primeiras coisas passaram.”

Como será maravilhoso poder desfrutar desses momentos ao lado de Deus, de Cristo. Esse deve ser a nossa alegria, nossa ambição.

Diego Hallen

https://www.facebook.com/diego.hallen

Anúncios

2 comentários

  1. Quem precisa mais do que vencer todos os seus inimigos? Quando o último cair, enfim, estaremos livres da morte deste corpo! O Senhor é o único bem de quem lhe pertence, pois toda a sua mordomia pertence ao Pai, inclusive seu corpo, alma e espírito.

    Quanto mais cedo Cristo vier, menos pecados cometerei, menos lágrimas chorarei, menos males verei, menos prejuízo terei em estar vivo (ausente do Senhor). A casa paterna é melhor que a Disney, que a lua-de-mel, que a conquista de um sonho.

    Bem-aventurados os que choram, os perseguidos por causa da justiça, os que são chamados a serem conforme a imagem de Jesus Cristo. Só uma coisa que me mantém respirando ainda: o tempo do cumprimento de minha missão aqui. O Senhor virá quando não cuidarmos disso (Mateus 24:44).

    Curtido por 1 pessoa

  2. Reflexão prioritária aos Cristãos.Que vivamos isto.Não esquecendo também outro aspecto,que a igreja de Cristo n]ao sofrerá mais perseguições-“E clamavam com grande voz, dizendo: Até quando, ó verdadeiro e santo Dominador, não julgas e vingas o nosso sangue dos que habitam sobre a terra? (Ap. 6:10).-Para nós n Brasil AINDA não chegou a tal ponto mas em países islâmicos está assustador.
    Lanço um questionamento:Por que as igrejas pentecostais falam,proclamam e cantam a volta de Cristo e nas denominações tradicionais pararam de falar sobre?ACORDEMOS IRMÃOS!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s