3 MENTIRAS QUE A PORNOGRAFIA ME ENSINOU SOBRE SEXO

luta contra pornografia

Infelizmente, muitas pessoas – tanto homens como mulheres – hoje em dia não sabem o que é sexo.  

 Era um dia de outono na terceira série. Eu desci do ônibus e abdiquei da minha rotina normal de apertar nas campainhas das casas dos meus vizinhos para me juntar a Jackson, meu vizinho ao lado, em qualquer coisa sem noção que ele fosse fazer naquele dia.

A partir do momento que ele abriu a porta, algo selvagem em seus olhos e o sorriso em seu rosto me disseram que ele estava diferente.  Ele ansiosamente me convidou para entrar, discretamente fechou a porta atrás de mim e subiu as escadas. Eu o segui até a parte de trás da casa onde havia um armário aberto perto do sótão.

Aparentemente a sua mãe não tinha conhecimento das dezenas de caixas de Playboys escondidas quando ela pediu a Jackson para organizar o sótão naquele dia. Ele não estava triste por causa da ignorância dela, e nem os meus hormônios pré-adolescentes. Nós passamos os próximos sessenta minutos mergulhados nas revistas e criando concepções errôneas sobre sexo que eu levaria anos para entender.

Meus desejos sexuais mais precoces foram despertados ao fantasiar com mulheres na verdade não eram reais. Essas má ideias sobre sexo continuaram a ser facilitadas pela exposição ocasional à pornografia ao longo dos meus anos de adolescência. E mesmo que eu nunca tenha me tornado um viciado, minha exposição foi suficiente para me tornar desinformado sobre sexo.

Muitos homens tem a sua própria versão dessa história. De acordo com estatísticas recentes em 2013, 85% dos homens vêem pornografia pelo menos uma vez no mês. E parte dos 85% ou não, todos nós temos estado desinformados sobre sexo ao longo de nossas vidas devido à mídia.

A pornografia tem mentido para nós sobre o sexo! Ela elege e perpetua ideias sobre intimidade que na verdade são mais fantasias do que sexo de verdade. Ela tem tomado um presente que nos foi dado que é cultivar um relacionamento duradouro e transformou isso em um ato de auto-satisfação. Ela tem – subitamente e significativamente – roubado de muitos homens hoje o significado, a beleza e os benefícios a longo prazo do sexo.

Aqui estão três mentiras contadas aos homens sobre sexo.

  1. Sexo é conquista;

A mulher na tela do computador não requer nada mais que você olhe para ela. E embora conquistá-la em sua mente possa de alguma forma fazer você se sentir válido, não há nada realmente válido nisso.

O sexo é muito mais do que uma simples conquista física. Ele foi feito para facilitar uma real e holística conexão – mente, corpo e espírito. E embora essa validade artificial que a pornografia oferece possa viciar, a conexão holística do verdadeiro do sexo oferece muito mais do que um prazer momentâneo.

“A completa proximidade física e emocional do ato sexual”, afirma Mary Anne McPherson Oliver, “é o fator mais importante na criação da unidade entre o casal e altera profundamente,de modo irrevogável  e continuamente as pessoas envolvidas.”

Não é nenhum segredo que se um homem tem pelo menos um pouco de explorador nele, ele não levará muito tempo para experimentar cada parte do corpo da sua esposa. Com certeza, sexo com ela nem sempre será tão “novo e excitante” quanto com companhias digitais – mas ele é bem mais excitante e dinâmico, bem mais benéfico a longo prazo e bem mais humano do que qualquer imagem com a melhor resolução possa ser.

  1. Sexo é um escape

“A pornografia não tem nada a ver com sexo”, diz Paula Hall, uma terapeuta sexual. “Um homem não precisa olhar pornografia por seis ou sete horas se ele só quer gratificação sexual. Não tem nada a ver com um escape. É um mundo secreto no qual eles podem se perder dentro, assim como muitos viciados fazem.”

Ao contrário, sexo no casamento requer que nós realmente apareçamos. E não apenas com os nossos corpos, mas como todo o nosso ser – fisicamente, espiritualmente, emocionalmente e psicologicamente. Infelizmente, essas experiências sexuais virtuais parecem não ser capazes de nos tirar do nosso mundo de estresse e incertamente tem nos sido dito que fazer sexo de verdade não faz valer a pena o esforço e vulnerabilidade.

Em contraste, o esforço e vulnerabilidade envolvido no sexo com a sua esposa é um investimento com um retorno inacreditável. Ele oferece intimidade holística, ao invés do vazio emocional da pornografia. E enquanto que é um alívio para o estresse, também cria uma realidade a longo prazo em seu casamento e família que você não querer escapar nem tão cedo.

  1. Sexo é sobre um orgasmo

Você não oferece nada a mulher na tela do computador. Ela, por outro lado, oferece a você a chance de se sentir válido, um escape e o induz a alguns momentos de prazer. Portanto, suas alegadas experiências com ela fazem das suas intenções de sexo serem inteiramente apenas você e o que você pode ter dela. Mas o sexo é feito com uma intenção diferente em mente.

O sexo é provado cientificamente como um dos mais efetivos cultivadores da intimidade no casamento. Como um expert explica, “Há convincentes evidências de que a oxitocina  (o hormônio liberado durante o sexo) está envolvido com estabilidade mediada,  par delimitado e monogamia; todos partes duradoras do amor.” O que as suas esposas os oferecem são os verdadeiros benefícios do sexo. Todos esses benefícios não estão limitados à êxtase de um orgasmo – mas inclui a conexão física, emocional e espiritual que é cultivada com a pessoa com quem nos acordaremos na manhã seguinte.

Esse é o tipo de amor duradouro – amor verdadeiro, com uma mulher de verdade – pelo qual vale a apena abandonar a fantasia. E que não erremos quanto a isso, você não pode ter os dois.
Tyler Ward (Original: http://www.xxxchurch.com/men/3-lies-porn-taught-me-about-sex.html)

Tiago Silva

https://www.facebook.com/tiago.silva.39

Anúncios

2 comentários

  1. As pessoas em geral precisam aprender de forma sadia o que é a vontade de Deus para o casamento. A lascívia é um desejo que vem do coração, mas é estimulado pelo mundo e seus enganos. Nenhuma necessidade legítima pode ser satisfeita plenamente longe do Criador. Daí, temos de estar bem com Ele para estarmos bem com o nosso corpo e com a família que ele nos deu. Jesus tem cuidado em cada ovelha sua e intercede para que sejamos dependentes do Senhor, fazendo o que ele nos manda, para assim nos saciar de sua bondade, como ele quiser.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s