ATRAÇÃO PELO MESMO SEXO E A ESPERA POR MUDANÇA

Poucos conceitos são mais estranhos à nossa cultura do que esperar. Hoje você pode tirar uma foto de um cheque com o seu celular e depositá-lo instantaneamente na sua conta bancária sem sair do seu lugar. “Instante” parece que se tornou o novo “relativamente rápido”.
Isso tem sido ressaltado em minha própria vida ao lutar com a questão da mudança em relação à minha atração pelo mesmo sexo. Quando eu comecei a me aconselhar a alguns anos atrás eu pensei que se eu seguisse uma série de passos prescritos então as minhas atrações iriam mudar de homens para mulheres. Contudo, após sete anos de trabalho duro, eu comecei a ficar desiludido e depressivo porque aquilo não acontecia. Por que a mudança não estava acontecendo como eu achei que aconteceria?
Até que um dia isso me pegou. Eu percebi que a heterossexualidade não é o meu objetivo final – a santidade é. E a minha santidade não depende, em última análise da transformação das minhas atrações. Uma vez que isso ficou claro, eu comecei a ver a mudança de forma diferente.
Mudança não prometida
A transformação da minha orientação é o tipo de mudança que não é garantida nessa vida. Deus nunca me prometeu que Ele removeria a minha atração pelo mesmo sexo. Eu sou lembrado de Paulo orando três vezes ao Senhor em 2 Coríntios 2 12 para que o seu espinho na carne fosse retirado. E qual é a resposta de Deus? “A minha graça te basta” (2 Coríntios 12.9). Deus decide quais os espinhos permanecem e quais ele removerá, para a sua glória. Embora a atração pelo mesmo sexo seja um espinho particularmente doloroso de se carregar, eu não tenho nenhuma garantia de uma forma ou de outra.

De fato, prometer mudança de orientação pode ser bastante maléfico. Na realidade, não há uma receita de passos prescritos que definitivamente irão levar à reversão na atração e esse tipo de pensamento pode fazer da mudança de orientação um ídolo que deve ser alcançado ou tudo está perdido. Se a minha esperança está baseada apenas em me tornar heterossexual então eu não teria nenhuma razão para ter esperança.
A mudança garantida
Contudo, não cometa erros, a mudança é garantida. O que acontece quando eu destrono a heterossexualidade como o meu objetivo final e a substituo por santidade? O que acontece quando eu recorro a Jesus, confio nas promessas de sua palavra e luto a batalha da fé pelo Espírito? Eu mudo! Esse lento (geralmente doloroso) processo é chamado de santificação e é um tipo de mudança que é inevitável para todos os verdadeiros cristãos.

E aqui está algo: a minha santificação aqui na terra pode ou não incluir uma mudança nas minhas atrações. Em me conformar à imagem de Cristo, Deus pode ver como adequado não mudar a minha orientação até o dia em que eu morrer, pelo propósito da minha santificação final. A minha atração pelo mesmo sexo pode ser um dos “espinhos” que Ele deixou para aumentar a minha fé e demonstrar o seu poder e graça em minha vida.
Gemendo, Aguardando, Tendo Esperança
Isso é o que consiste esperar. Eu quero ser “concertado” agora, para parar de guerrear contra a minha carne e me tornar como Cristo. A espera é muito dura! Ainda bem que a Bíblia me ensina como lidar com a espera. Ao experimentar os gemidos nesse corpo, eu tenho grandes motives para ter esperança.
Eu tenho esperança na minha adoção completa e final como um filho de Deus, a qual inclui a redenção do meu corpo (Romanos 8.23) e preciso de esperança porque isso ainda não está aqui. Além do mais, “esperança que se vê (presente agora mesmo, imediatamente, instantaneamente), não é esperança. Pois quem espera por aquilo que vê?” (Romanos 8.24).

Ao invés de “me conserte agora”, a Bíblia me dá isso: “Mas se esperamos o que ainda não vemos, aguardamo-lo pacientemente.”(Romanos 8:25). Não importa quão precisamente eu sinta o meu corpo quebrado e a minha já, mas ainda não adoção como filho de Deus através de Cristo, eu tenho que esperar pela minha redenção completa com paciência – mesmo quando eu posso fazer um depósito bancário do meu celular. Ao discutir a promessa vazia da mudança de orientação, Wesley Hill, que experimenta atração pelo mesmo sexo, afirma que: “É suficiente dizer , eu creio, que o verdadeiro risco espiritual e teológico desse tipo de discurso de “vida cristã vitoriosa” é evitar o estado de ‘está no caminho’. É uma expectativa de que o reino de Deus em sua plenitude deveria está aqui agora, sem termos que suportar o seu lento, misterioso e paradoxal desdobramento até o retorno de Cristo.” Assim, ao invés de tirar uma foto do meu cheque, eu preciso está contente em está no carro “a caminho” do banco.

A espera vale a pena
Acredite em mim, é realmente difícil, mas a realidade é que é “a caminho” que eu experimento Deus. Por enquanto, é na dor e no gemido, na luta por contentamento, que Deus revela a si mesmo e me transforma, arranca todos os meus ídolos, me dá mais dele e me prepara para uma eternidade de contentamento nele e sem dor.
É no banco de carona do carro que eu vejo a beleza da estrada, as montanhas majestosas e o extasiante pôr do sol que eu não teria visto se eu houvesse sido magicamente transportado para o meu destino final, e que destino final de tirar o fôlego que será. É na espera que eu sou santificado, conformado à imagem de Jesus e mortificado para me deleitar nele quando eu o ver face a face ( 2 Coríntios 3.18).

A minha orientação pode não mudar nessa vida, mas a santificação completa está a caminho (1 Tessalonicenses 5.23-24). Ainda não está aqui. Mas eu acho que eu posso esperar por ela.

Nick Roen

(Desiring God)

(Tradução: Igor Sabino)

Anúncios

1 comentário

  1. O texto só revela uma visão difícil de se engolir: que um homossexual pode ter uma vida de santidade diante de Deus. Homossexual não é apenas o que pratica o ato sexual com uma pessoa do mesmo sexo, mas aquele que tem inclinações e atração pelo mesmo sexo. Afinal de contas, não pecamos apenas em atitudes, mas e principalmente por pensamentos. As pessoas que defendem o ponto de vista exposto no texto apresentam suporte de argumentos de outros autores com as mesmas inclinações homossexuais, o que é bastante confortável para elas; sem falar que as referências bíblicas usadas fora de um contexto ajudam a fechar um esquema de proteção daquele que quer ser santo, mas apresenta uma convicção de que sua condição pode não ser mudada por Deus e isto para a glória Dele. É complicado pensar nesta visão, que dirá defendê-la e buscar que num futuro próximo ela se torne doutrina vigente em nossas igrejas. Isto traria muito mais malefícios que benefícios. Prefiro continuar pregando sobre um Deus que atrai o pecador do jeito que ele está, mas que faz uma transformação completa através do Seu Santo Espírito, não permitindo que Seus filhos tenham resquícios do velho homem, mas os capacitando espiritualmente a serem novas criaturas dia após dia.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s